http://blogueirashame.com.br

Inacreditável do dia


Oi?

251 comentários:

  1. Sério, nao li nenhuma mentira aí.
    STF caiu com o curso, geral monta blog e quem quiser se profissionalizar, faz faculdade..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não to dizendo que concordo, mas nao li nenhuma mentira (só pra complementar)

      Excluir
    2. Ah sim! Montar blog agora significa virar jornalista?
      Céus! Q ignorância

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Não, o STF não "caiu com o curso". Ele acabou com a obrigatoriedade do diploma pra exercer legalmente a profissão, o que é BEM diferente. E isso já está sendo reavaliado em instâncias jurídicas. Publicitários também não precisam necessariamente ser formados pra exercerem, mas nem por isso você vê agências sérias contratando qualquer zé mané minimamente criativo.
      Eu sugiro que a blogueira mande um currículo sem formação em comunicação e com o português meio maltratado pra qualquer redação ou assessoria séria.
      Me assusta um pouco essa ideia de "pegar as técnicas". Comunicação social não é curso técnico, é bacharelado!

      Excluir
    5. Já voltaram atrás fia. Tem que ter faculdade para ser jornalista SIM!
      Ela só escreveu besteira e você reforçou a cagada dela.

      Excluir
    6. Sério que tu acha normal largar uma faculdade pra abrir um blog???

      Excluir
    7. Tinha esquecido. Diploma de jornalismo não é obrigatório.Só tenho certeza de uma coisa, os jornalistas de moda com os quais lido, não são melhores que as blogueiras.

      Excluir
    8. Peraí. O que caiu foi o DIPLOMA, e não o curso. Eu estava no meio da faculdade quando disseram que o diploma não valia mais, e mesmo assim continuei. A maior parte da minha sala está sem trabalho até hoje, com diploma.
      Agora me faz um favor: já que pensa assim, vai lá na Folha, Estadão, Globo, SBT, Abril, ou qualquer outro jornal/revista/emissora e tenta arrumar um emprego como jornalista sem ter um diploma na áera. Melhor: monta um blog como pseudo jornalista e vai lá tentar se empregar mostrando ele como critério pra ser contratada. Tá difícil até pra quem estudou pra isso, imagina quem não. E mais: faculdade não garante nada, já que tem gente que se forma com nível sofrível de português e de conhecimento.
      Gente, entendam uma coisa: a queda do diploma facilita pessoas que tem CONHECIMENTO EM ÁREAS específicas trabalharem com aquilo. Ex: uma pessoa formada em economia, que tem uma BOA REDAÇÃO, sabe trabalhar com certo tipo de mídia e tem interesse, pode trabalhar como jornalista de economia.
      Agora dizer que pra ser jornalista de moda é só criar um blog, sério.
      É desmerecer muito a profissão alheia, precisando estudar 4 anos na faculdade ou não. Ela não precisa fazer faculdade de jornalismo, mas poderia fazer um de moda, se especializar na área, complementar com algum curso de editoração ou qualquer veículo que ela queira trabalhar, e pronto.

      Excluir
    9. Anônimo 14 de maio de 2012 11:04
      Acontece que a obrigatoriedade do diploma de jornalista voltou. E mesmo que não fosse obrigatório, eu não considero jornalista uma pessoa que não fez faculdade de Jornalismo. Vc aceitaria ser atendido por um médico que não fez faculdade? Contrataria um engenheiro que não se formou? Aceitaria contratar para sua empresa um administrador que não estudou? Daria uma causa para ser defendida por um advogado que não pisou em uma universidade? Então, te digo: não leia um blog de ~moda~ de uma pessoa que não sabe a diferença entre MAS e MAIS, não sabe ser objetiva e sincera com seu leitor e que, ainda por cima, defende que uma pessoa não precisa de faculdade para ser especialista em um assunto. Pra mim, esses ~blogs de moda~ não passam de uma forma de riquinhas imbecis ganharem dinheiro em cima de idiotas como você.

      Excluir
    10. Pois é Anôn. 12:49
      É por pessoas pensarem como essa maluca que temos médicos que cometem erros graves e até matam pacientes, prédios que desmoronam, enfermeiros que injetam vaselina em vez de soro.
      As profissões precisam sim de especialização, mesmo que não seja uma faculdade e sim cursos técnicos.
      O dia que abrir um blog for suficiente para se tornar um profissional, eu não quero mais viver nesse mundo.

      Excluir
    11. Ninguém disse que era mentira... Leia o post da Shame de novo!

      E ngm tá discutindo se há ou não exigência de diploma...

      O que está em voga no post é a criatura do post originário achar que qquer bagual pode abrir um blog de moda sem entender lhufas de moda, ou de jornalismo, ou de português!!!!

      Excluir
    12. nossa, camila, obrigada!
      achei que eu tava sozinha contra esse povo que acha que a queda do diploma significa que a área virou terra-sem-lei.
      assino embaixo do teu comentário, de cada palavra. disse tudo!

      Excluir
    13. Eu li mentira aí sim. Pra mim não tem nada de verdade em bastar você abrir um blog de moda pra ser jornalista de moda. Ou isso é verdade?
      Acho que o maior absurdo é a pessoa estimular a falta de estudo, achar legal que alguém largue uma faculdade pra viver de blog, seja lá qual for. Acho que mesmo que você trabalhe com algo que não precisa de estudo superior, é legal você fazer se tiver possibilidade, porque estudar abre as portas não só profissionalmente, mas expande também sua visão das coisas.

      Excluir
    14. Pois é Lana. E tem mais.
      Só o diploma não garante nada pra ninguém, você precisa provar que sabe, mostrar que tem capacidade pra exercer a profissão, seja lá qual for. Agora coloca alguém capacitado E diplomado ao lado de alguém sem especialização, pra ver se o segundo tem alguma chance. Sério né gente, isso não existe.
      Não se pode dar esse tipo de opinião E conselho em um espaço aberto, onde querendo ou não, acaba incentivando quem lê. Estimular o abandono dos estudos é estimular a ignorância e burrice alheia.

      Excluir
    15. Gente, ainda não voltou a obrigatoriedade do diploma, passou por uma primeira votação, mas ainda tem outras instâncias pra percorrer!

      Excluir
    16. OOOw Bunitans,

      Eu nao disse que concordo, mas não é o que temos visto por aí??

      Não virou um oba-oba essa porra??? Tanto que a gente vem aqui todo dia ler as atrocidades que elas cometem..

      Excluir
    17. Não interessa a obrigatoriedade.
      O que interessa é a dyca de amyga da fia, que ao invés de promover o estudo ela promove a criação de um blog. ¬¬
      Pra quê ensino médio então? Nem precisa né. Se alfabetizar e saber ler/escrever já serve pra criar brogui.
      peloamorgente! Acordem!

      Excluir
    18. gente, pelo amor de deus! PAREM de comparar jornalismo a profissões como engenharia, medicina e afins!
      que absurdo!
      é muita ignorância isso.
      como disse a beatriz lá em cima, profissões similares ao jornalismo, como publicidade, não têm obrigatoriedade de diploma e nem por isso nego sai contratando qualquer zé.

      mas é de uma arrogância sem limites achar que jornalismo tem o mesmo peso que medicina, por exemplo, e precisa do mesmo nível de especialização.
      prestem atenção: profissões essenciais PRECISAM de especialização específica. jornalismo, publicidade e cia não, mas nem por isso não se exige nenhuma qualidade delas.

      Excluir
    19. Não tem o mesmo peso, mas áté hoje é considerado o quinto poder, como eu disse lá embaixo, já que a imprensa influencia sim na vida das pessoas. Uma imprensa ruim, que não confirma os fatos e publica coisas erradas afeta sim a população.
      Não existe isso de "não é obrigatório, vemos muito disso por aí" e blablabla, não é porque qualquer fia abre um blog falando sobre moda que ela é considerada jornalista de moda, mesmo que escreva tudo certo (até porque isso é obrigação de qualquer um que tenha concluído o ensino médio).
      E olha só que interessante, minhas caras, de onde vocês acham que essas fias copiam tudo o que elas postam no blog, sobre tendências e tudo o mais? De REVISTAS e SITES sérios de moda, certo? E quem trabalha nesses lugares? Jornalistas e pessoas FORMADAS em moda.
      A discussão aqui é que esse ser teve a capacidade de aconselhar alguém a NÃO estudar e simplesmente abrir um blog pra se tornar uma profissional.

      Excluir
    20. Anônimo14 de maio de 2012 13:45: Parem é com essa ignorância de não querer comparar, Jornalista tem sim que ter peso. Palavras pesam, palavras tem poder, palavras pode derrubar e destruir uma pessoa ou segmento. Jornalista deve sim ter peso de medicina. Um médico que comete um erro é punido. Um jornalista que comete erro numa matéria também é. Então a punição não deve existir? Claro que deve, uma palavra mal colocada ou um texto negativo tem um poder de destruir além do que vc imagina (vide caso da escola Base - procure para ver o que aconteceu - veja o poder do jornalista, por isso a necessidade de diplomação e de ser exigido tal documento. A formação acadêmica existe, se ela existe é porque ela é exigida. Se existe um registro que os jornalistas tem (o MTB) é porque eles são responsáveis pelas suas publicações e atos conseqüentes delas. Agora Jornalista de Moda???? Desde quando existe essa profissão. Existe JORNALISTA e dentro dessa profissão aptidão para escrever sobre determinado assunto.
      santa ignorância.

      Excluir
    21. Quinto poder? Cê jura?

      Excluir
    22. 14:35, pode até nao ser quinto poder...

      Mas vamos analisar:

      Aqui no rio de Janeiro, as pessoas nao pensam mais em chamar a policia pra resolver um problema, elas pensam em chamar a globo.

      Vc quer que resolvam violencia contra os animais, que tampem o buraco da sua rua, que o secretario da saude responda a população, nao chame apolicia, chame a globo! E infelizmente, é assim.

      Quantas pessoas tiveram suas intimidades expostas?? Mas porque a Chekelina é da globo, aí virou esse furdunço

      Só pra vcs saberem, eu sou a pessoa que começou esse post, pra vcs verem que eu separo o que eu concordo do que eu vejo..

      Excluir
  2. Aff...Deus gastou um cérebro com quem não merece.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas não foi muito eficiente, não se preocupe.

      Excluir
  3. god bless you, fya!

    ResponderExcluir
  4. É cada uma que a gente vê... tsc tsc

    ResponderExcluir
  5. Ela jura?
    Eu já passo mal quando vejo blogueira dando palestra de moda sem ter estudo nenhum e dizendo em comentários que “escreve sobre moda” há tantos anos e sabe sobre o assunto.
    Agora blogueira dizendo que abandonar a faculdade pra ter um blog é melhor foi o fim!

    ResponderExcluir
  6. Por essas e outras que, as vezes, eu tenho vontade de rasgar o meu diploma. Sim, sou jornalista... mas essas meninas nao tem a minima idea do que isso quer dizer, neh?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, eu tb sou jornalista, e concordo com vc. Vamos ser honestos: Blog é blog, jornalismo é jormalismo. Não é a mesma coisa. E, vamos combinar, blog de moda é como Tamagochi daqui a pouco passa a moda, as pessoas param de 'alimentar' e morrem todos, e aparece uma outra modinha tola.

      Excluir
    2. Tb sinto vontade de rasgar o meu!
      Geral acha que qualquer um que escrever qualquer besteira é jornalista!

      Excluir
    3. E eu fico p. da vida com esses babacas que falam: ''ah, ja acabaram com a obrigatoriedade do diploma mesmo''.
      A Camila, que comentou um pouco antes, ta super certa. Vai tentar arrumar trabalho em uma empresa grande (e seria) sem diploma pra ver se consegue!

      E essa blogueiras nao entendem nada de porra nenhuma. Vivem de jaba! Moda eh super bacana! Eu adoro, mas vc nao precisa de muito pra virar ''blogueira de moda''.
      Ai serio... da uma preguica isso, viu!

      Excluir
    4. eu tbm sinto vontade de rasgar o meu. E olha que não sou jornalista...

      Excluir
    5. Tb sou e tenho a mesma opinião. Mas é cada uma que temos que ver!....

      Excluir
  7. Além desse post de sugestão imbecil, queria saber como se faz pós se você não tem graduação alguma. Que eu saiba, toda pós exige um diploma de graduação...afff.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. essa ae ta querendo fazer pós em vagabundagem... isso sim... pq pelo jeito já é graduada nisso!

      Excluir
    2. "...ou fazer jornalismo mesmo pra pegar as técnicas..."

      Por favor, né, leia com atenção.

      Excluir
    3. Também estou me perguntando isso!

      Excluir
    4. hauhauhau ela nao pensou nisso amigue... na verdade foi falta de instrução mesmo

      Excluir
    5. Vê-se que a pessoa não entende nada do que está falando né. Não dá pra acreditar como tem gente que usa a internet pra despejar tanta besteira na cabeça dos outros. Pior é quem acredita. Ridículo

      Excluir
    6. Exato! Falar besteira td mundo fala, agora besta de quem acredita, toma um decisão séria baseada em opiniao de blogueira. Carreira é algo sério, tem q buscar esclarecimento em varias fontes confiaveis, e no fim das contas confiar na intuição, nos valores aprendidos, no que a pessoa acredita.

      Excluir
    7. onde ela sugere fazer pós sem graduação?

      Excluir
    8. Uau, to passada com o analfabetismo funcional das leitoras do Shame. Qual parte do "faz jornalismo mesmo e depois faz uma pós" não ficou muito claro? Eu, hein. Depois querem gongar por aí quem escreve errado, como se a interpretação não tivesse faltado aqui (e não fosse tão grave quanto).

      E eu não concordo com nada do que essa fia falou, não. Aliás, achei super sem nexo ela falar em fazer faculdade e pós depois de praticamente afirmar em todas as linhas que nãããão precisa disso, mas tá aí no texto, basta vcs conseguirem entender. ¬¬

      Excluir
    9. Anônimo 15:00 falou tudo, o povo aqui tá ruim demais na interpretação...

      Excluir
  8. Isso é Brasselll, gentemmm.
    Todo mundo quer ter "Brog" para se dar bem.
    Ganhar presentinhos, anunciar e assim vai.

    Mas, Mas, Mas, "To nem ai se escrevo certo ou errado, se a loja que indico entrega, respeita as pessoas, To nem ai"

    Love u Titiaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  9. estuda mesmo não.. continue assim.

    ResponderExcluir
  10. esse mundo tá perdido

    ResponderExcluir
  11. Foi assim que eu me senti quando li isso:
    "Oi, eu monto casas de Lego super legais, posso ser engenheira?"
    Claro que pode, no começo vc monta as pecinhas erradas, mas aí com o tempo vc aprende.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tipo esses fulanos que compram uma Canon ou Nikon fodona e depois de um mês já colocam "fotógrafo" como ocupação

      Excluir
    2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


      Pois é.

      Quer ser advogada ou médica? O google tá aí pra isso.

      Excluir
    3. Melhor comparação ever!

      Excluir
    4. boa!! kkkk...é bem por aí mesmo q esse povinho define profissional =(

      Excluir
    5. Kkkkkkk Melhor comentário!

      Excluir
    6. ISSSO MESMOOOOOOOOOO

      Excluir
    7. Incrível esse povo, qualquer um hoje em dia acha que pode abrir um blog, fazer disso uma profissão e sair falando bobagens aos 4 cantos da terra.

      Excluir
    8. ahauhauahahuahuahauhuah

      Excluir
    9. "Tipo esses fulanos que compram uma Canon ou Nikon fodona e depois de um mês já colocam "fotógrafo" como ocupação"

      hauhauhauhau bem isso, cria uma conta no Flickr e já diz que é portfólio. Internet também transformou todo mundo em poeta, escritor...

      Mas é bem vdd que, se hoje qualquer zé pode dizer que é fotógrafo, jornalista ou poeta, só os _MUITO_ bons são contratados por meios de comunicação sérios (menos os poetas, óbvio), e geralmente com diploma.

      Excluir
  12. Sou jornalista por formação e só posso dizer uma coisa: sem palavras....
    Porém, a culpa disso tudo, somos nós mesmo que aceitamos calados um turma de idiotas retirarem nosso diploma.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. STF igual a uma "turma de idiotas"???

      Excluir
    2. falou bonito fia!

      Excluir
    3. esse bla bla bla de "retiraram o meu diploma" já deu também, né?
      zilhões de profissões não obrigam diploma e nem por isso o curso superior não é exigido na hora da contratação.
      vai do critério dos contratantes. o diploma pode não ser obrigatório por lei, mas as empresas sérias continuam pedindo.

      Excluir
    4. sou formada em moda e também sofro ao ver essas barbaridades...
      decerto a gente estuda 4 / 5 anos pra NADA né? porque é só ficar lendo blogs que dá na mesma segundo essa jumenta.

      Excluir
    5. aqui um belo exemplo de jornalista que não sabe escrever.

      Excluir
    6. não concordo com a sugestão da fia de q as pessoas abandonem a faculdade de jornalismo e criem um blog. Acho q o ideal é vc fazer os dois. Entretanto concordo com a decisão do STF, pois muito jornalista bom q taí não tem o curso ou então fez depois, qdo já tinha uma carreira estabilizada.
      Para se falar de temas específicos como moda, economia, turismo, tecnologia, política, etc, não necessariamente a pessoa tem q ser formada em jornalismo, basta dominar o assunto e principalmente escrever bem.

      Excluir
    7. tem muita jornalista FORMADA q escreve mal pra caralh... e não domina o tema q discorre.

      Vamos evitar generalizações.

      Aproveitando q o tema aqui é moda, penso q uma editora de Vogue, Elle, e outras revistas de moda não precisa necessariamente ser formada em jornalismo. De q adianta ser formada em jornalismo e não entender de moda?

      O ideal mesmo seria ter um diploma em moda e outro de jornalismo.

      Excluir
    8. É ISSO MESMO. tbm sou jornalista formada. idiotas tiram a obrigatoriedade do nosso diploma e ainda temos que ler coisas assim.

      Excluir
    9. Não mesmo. Publicitários e radialistas não têm diploma há muito tempo, e nem por isso perdem cargos para quem não tem estudo. Tem que saber separar uma coisa: um profissional sem diploma na área pode sim tomar o emprego de quem tiver, desde ela tenha cursos e provas de que sabe o que está fazendo, enquanto um diplomado pode somente ter o papel, e ser um nada na profissão.
      Resumindo: diploma não garante nada, esforço e conhecimento sim. Se você for diplomado E se mostrar capaz, não precisa ter medo de tirarem isso de nós.

      Excluir
    10. Opa! Sra. Jornalista "somos nós mesmo"

      Somos nós mesmos.

      Fora todo o resto,a sua concordância é ótima!

      Assinado

      Blogueira de Formação que aparentemente escreve melhor, bem melhor, do que a senhorita.

      Excluir
    11. anon 12:48 - exato! protecionismo só serve pra proteger quem é ruim. os bons não têm medo de o diploma não ser mais exigido.

      Excluir
    12. "Porém, a culpa disso tudo, somos nós mesmo que aceitamos calados um turma de idiotas retirarem nosso diploma." fia, com esse português, quem é vc pra chamar alguém de "turma de idiotas"? espero que vc não tenha se referido ao stf.

      Excluir
    13. Só para deixar claro.

      Não concordo com a maneira que a mocinha citada no post se expressou, muito pelo contrário, mas acredito piamente que um diploma não é necessário para exercer tal profissão.

      Para quem discorda sugiro a leitura do texto "A melhor profissão do mundo" de Gabriel García Márquez.

      Excluir
    14. AMO Gabriel Garcia Marquez!
      Não é que seja condição essencial, mas é uma coisa importante sim. Quem não está habituado em como funciona os veículos da imprensa, em como se portar, o que o jornalista deve ou não fazer, precisa sim frequentar a faculdade. Mas isso não é condição obrigatória, muitos aprendem na prática sim. Agora me responde: quem hoje em dia consegue pegar prática como jornalista sem passar pela área, e quem consegue passar pela área sem diploma? Entende agora?
      Ela pode sim estudar moda (profissionalmente e não pela internet como a moça do post sugeriu), se especializar em jornalismo (em internet, revista, jornal, tv, rádio, o que ela quiser), estudar bastaaante e depois mostrar que é capaz pra conseguir um emprego. Agora se ela tiver concorrendo com alguém que tem tudo isso E o diploma de jornalismo, vai perder a vaga com certeza.
      O que não se pode é falar que não precisa estudar, isso é errado em qualquer profissão.

      Excluir
    15. Aha.... faz uma merda numa revista e vê o que acontece.... diploma e registro estão ai para isso, somos responsabilizados quando cometemos erros.....

      Excluir
  13. Eu morro 5 vezes e não vejo tudo !!!! Pára o mundo que eu tô muito afim de descer ou quem sabe me mudar para algum lugar que internet não exista !

    ResponderExcluir
  14. "a gente aprende muito". É, pelo número de erros de português, inglês, incapacidade de diferenciar nomes de grifes de estampas, incompetência para o nível mais básico de verificação de dados, falta de conhecimento de quem está por trás das grifes/casas que elas vestem, citações sem referência à origem, textos infestados de "uhul" e "haha" a gente percebe.

    E sinceramente, acho que já deu dessas meninas que escrevem exclusivamente sobre TENDÊNCIA e CONSUMO acharem que "moda" começa e acaba entre esses dois.

    ResponderExcluir
  15. Para que fazer faculdade, né? Diploma de jornalista não está valendo nada mesmo! Aff!!! Tenho ódio desse povo que acha que pode abrir um blog qualquer e se intitular jornalista. Ou, como adoram dizer, "imprensa". Poderia dizer um milhão de coisas tamanha é a minha indignação... Mas um comentário feito no próprio post da fia diz tudo! Eis a melhor parte:

    "Garanto que muitos "blogueiros" que se consideram jornalistas de moda mal sabem o que é um "lide", uma "pauta" , uma "chamada" e até mesmo uma "linha fina".... E quem não domina pelo menos essas técnicas não é jornalista nem de moda e nem de área nenhuma."

    ResponderExcluir
  16. Shoray pelos jornalistas formados.

    ResponderExcluir
  17. Meu diploma de jornalista chorou sangue....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O meu tentou suicidio! Foi dificil, mas consegui segura-lo na parede!

      Excluir
  18. Jornalista nesse país só se fode. Você passa 4 anos comendo o pão que o diabo amassou na faculdade, aí aparece um Zé Ruela feito esse aí e toma o seu lugar, sendo que a criatura nem sabe o que foi a escola de Frankfurt.

    Muito desgosto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior é que mesmo a gente sendo formado e conseguindo emprego tem que se submeter a horas extras, salário baixo e mais, pra depois ter que ler uma sandice dessas.
      Por isso não aconselho ninguém a estudar jornalismo hahaha

      Excluir
    2. A questão não é ter conhecimento sobre a escola de Frankfurt (teoria social interdisciplinar neo-marxista), mas sim de ser mais talentosa do que você que sabe.

      Compreende?

      Excluir
    3. Pergunta para elas quem é McLuhan

      Excluir
  19. O curso continua válido, como sempre foi. Ninguém precisa (nem nunca precisou, oficialmente) de diploma pra ser publicitário, mas ninguém diz pra deixar de fazer o curso se a pessoa quiser seguir carreira na área.

    ResponderExcluir
  20. Mas o mundo ta assim mesmo.
    Ja teve Sandy dizendo q nao terminou a faculdade de psicologia, mas q dá pra aprender em livros...
    estudei tanto pra q né??

    deve ser essa mesma pergunta q as jornalistas de verdade estao se fazendo agora...

    ResponderExcluir
  21. nossa, mas que super (des)serviço, hein?

    ResponderExcluir
  22. já dei aula em federal pra futuros jornalistas e digo uma coisa: o trem tá feio. se até quem estuda mal sabe ler e escrever, imagina a nega dizendo que nem estudar mais é necessário. tive inclusive um aluno que dizia que o irmão era fotógrafo de moda e que estudar teoria era desnecessário. ok, cada um estuda o que quer. mas entrou na faculdade pra quê? por que não faz logo um brógui e deixa a vaga pra quem quer? até acho que qualquer um pode escrever blog, já que é uma coisa pessoal. mas falar que nem é necessário estudar nada e que fazer o blog já basta pra ter uma profissão... esse mundo tá perdido.

    ResponderExcluir
  23. MEO DEOS!!!! Sou bacharel em design de moda e estou a morrer com essa declaração infeliz! Quer dizer que fazer faculdade é para os fracos? Essa criança que escreveu isso deve ser filha de papai rico, não tem lógica ... onde nosso país vai para gente??? ONDE???

    Ahhhhh, alguém me conta que foi a fia que escreveu isso por que eu gostaria de ir gonga-la pessoalmente?

    Thanks

    ResponderExcluir
  24. Graziele Corrêa14 de maio de 2012 11:42

    Sou jornalista e fico pasma com tanta idiotice. Gostar muito de um assunto não torna ninguém em um especialista, por isso, muitos blogs são recheados de "achismos".

    ResponderExcluir
  25. Rebaixou total os jornalistas. Por mais que seja uma profissão que você não precise de graduação para exercer, é óbvio que quem tem estudo sempre vai ter mais preparo (quem tem estudo, não frequencia às aulas, viu?).

    ResponderExcluir
  26. Esses broguis desvalorizam profissionais da moda de do jornalismo.
    Simplesmente ridiculo!

    ResponderExcluir
  27. Puta que pariu.

    Que mundo é esse?

    Não estuda...Faz um blog!

    2012 com força total!

    ResponderExcluir
  28. é festa do caqui né, agora não precisa fazer jornalismo pra ser jornalista de moda, não precisa estudar moda pra lançar uma "marca"........................?
    vou ali rasgar meu diploma e pular da ponte por ter desperdiçado 4 anos da minha vida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faz isso não...
      Escreve tudo num blog, é melhor...

      Excluir
  29. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas é exatamente o que eu fiquei me perguntando. Achei que eu tava louca e tinha lido errado.

      Excluir
    2. Leram errado.
      Ela falou " OU " fazer jornalismo pra pegar as técnicas e fazer pós.
      Que quer dizer: ou abandona o curso e faz brogui OU se forma em jornalismo e faz pós.
      derp!

      Excluir
    3. Luana falou besteira aí ficou com vergonha e apagou o comentário né?

      Excluir
  30. Ja assisti uma "palestra" da Boleto e foi zzzzzzzzzzzzzzz....nao fez outra coisa a nao ser fazer jaba da loja, tem uma voz chaterrima, 0 carisma, e repetiu mil vezes que era uma "expert" em moda e tendencia (oi?). Cada vez que ela dizia isso, geral se entreolhava e dava risadinha hahahhah #fail Com rarissimas excessoes a maioria das blogueiras nao entendem NADA de moda, nao estudam, nao tem curso superior... sao apenas PHDs em jaba!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. PHD em jabá! Falaste certo amigue.

      Excluir
    2. A Boleto é dura de engolir... não sei se alguém acompanha o Instagram dessa doida, só posta fotos toscas dela malhando, tá obcecada com o corpo, também só coloca foto de salão de beleza, da cara dela, uma verdadeira egotrip!!!

      Excluir
    3. o pior foi q a maraia já foi palestrante em faculdade de moda!?!?

      Excluir
  31. Eu construo casas no the sims 1, 2 e 3 sou = engenheira
    Eu decoro exteriores e interiores e faço paisagismo no the sims 1, 2 e 3 = sou arquiteta e designer de interiores.
    Eu crio pessoas no the sims 1, 2 e 3 = sou Deus.
    Simples assim, facin, facin.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Melhor comment do post

      Excluir
    2. Além de também fazer tudo isso no the sims eu uso cheat de roubar dinheiro = sou política

      Excluir
    3. "Eu faço um site = sou programador."
      Isso tbm tem na informática. Quantos "designers" dizem que sabem programar só pq fazem site em html e css?

      Excluir
  32. Isso, não estuda mesmo, aí seu blog vai bombar, de tanto aparecer na Shame....

    ResponderExcluir
  33. "O blog é como se fosse uma revista online".
    Não, não é.

    Por mais que as revistas possam adotar uma linguagem mais informal (principalmente as de moda), são um veículo diferente dos blogs. Eu não acho plausível, por exemplo, que uma blogueira diga que é uma editora de moda (ainda mais se, em seu blog, publica editoriais produzidos por revistas, o que acontece muito).

    ResponderExcluir
  34. Por q estas meninas n criam vergonha na cara e vão trabalhar como qquer pessoa?? Pior q esta "moda" está pegando, todo mundo agora quer abrir um blog, ganhar jabá, entrar p F*Shits e bláblálbá... Ainda n perceberam q estão em decadência e q só os blogs q realmente apresentam um mínimo de CONTEÚDO irão sobreviver?? Q preguiça dessa gente :p!! #vergonhaalheia

    ResponderExcluir
  35. Quem foi a linda e inteligente (so que ao contrário) que escreveu essa pérola?
    Gente, eu falo: tomara que os Maias estejam certos e o fim esteja próximo, por que eu não aguento mais ver absurdos!!!

    ResponderExcluir
  36. Nossa, não sei pra que estou me matando com meu TCC de jornalismo então. Vou largar tudo e fazer um blog...
    Aff ¬¬

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa! Nem eu sei pra que estou me matando de trabalhar. Vou pedir as contas e abrir um blog

      Excluir
  37. Issoaí gata, para de estudar e vira blogueira.. futurasso...

    ResponderExcluir
  38. Claro amiguinha! Porque posso ser cirurgiã plástica sem ter estudado em medicina, por falar nisso, não quer me deixar ajeitar o seu nariz??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa, que comparação grotesca.
      não defendo, de forma alguma, que para ser jornalista de moda ter blog tá de bom tamanho - achei a sugestão da moça bizarra -, mas essa mania tosca de comparar jornalismo a profissões como medicina, engenharia e outras que, DE FATO, requerem uma formação específica na área é de matar.
      administração, publicidade, relações públicas e tantas outras não exigem diploma e, mesmo assim, existem muitos profissionais qualificados no mercado.

      Excluir
    2. Hoje em dia só se é profissional qualificado no mercado se tiver diploma minha querida. E muitos cursos na área. Antigamente sim, surgiram muitos profissionais nessas áreas de comunicação sem estudo, mas porque? Sâo pessoas "banais" como Silvio Santos, Hebe, e nomes pequenos sabe, que conseguiram isso em uma época onde valia muito mais seu talento que seus estudos.
      Ou você acha que o Bonner e a Fátima Bernardes chegaram onde chegaram só porque escreviam em casa? Vai lá ver o currículo dos dois e depois volta aqui pra falar alguma coisa.

      Excluir
    3. Ah sim, porque só medicina e engenharia são cursos fodões e precisam DE FATO de formação específica. O resto não. Comentário mais infeliz de todos. Foi pior do que o da menina do post.
      Como se um erro de um administrador de uma empresa não pudesse gerar um dano muito maior, em certas ocasiões do que de um médico, destruir milhares de vidas, até afundar uma economia. Como se um advogado que faz uma besteira não pudesse destruir uma vida. Qual é a diferença entre isso e dar uma dose de remédio errada? Não é um erro do mesmo jeito? Pode matar do mesmo jeito, pode causar danos irreversíveis em todos os casos.
      Então não me venha com essa de "mania tosca de comparar jornalismo a profissões como medicina, engenharia"! Comentário típico de gente das exatas que acha que os cursos de humanas são inúteis e dispensáveis.
      Aliás... Eu acho o pajé da tribo tupinambá que nunca fez curso de medicina e cura de lombriga até dor de dente um profissional super qualificado. Confio mais nele do que em muito médico por aí! E ele nem tem diploma, ein?! Pfffff...

      Excluir
    4. Assino embaixo, anôn. 13:23

      Não se pode desqualificar a profissão de ninguém, todo mundo tem sua importância e necessidade no mundo. Ou vocês acham que um jornalista mal informado, que dá notícias erradas, não influencia em nada na vida das pessoas?
      A imprensa é considerada até hoje o quinto poder, tanto que entrou no julgamento do caso Eloá, por exemplo, por ter forte influência no que acabou acontecendo.
      Acho que, em cada profissão, a pessoa tem que procurar ser boa e qualificada, se especializar sim e se tornar um bom profissional.

      Excluir
    5. ok, mas é arrogante achar que o diploma de jornalismo tem que ser OBRIGATÓRIO.
      não é questão de uma profissão ser melhor do que a outra. é questão do que se aprende na faculdade. medicina e engenharia têm conhecimentos específicos que você SÓ aprende na faculdade. e, ainda assim, como vc mesma ressaltou, fulana das 13:23, existe muito médico pé-de-chinelo por aí.
      vocês se acham gênias, mas faltaram à aula de interpretação de texto, né? se lerem novamente com um pouco mais de cuidado, vão entender que em momento algum disse que não precisa de diploma e qualquer zé adestrado pode trabalhar em uma redação/agência/empresa.
      acho que qualquer formação superior é essencial, que estudar é sempre muito importante, mas que não é o diploma de jornalismo que vai garantir que você seja um profissional de qualidade, maninhas.
      leiam, lá em cima, os comentários da camila e da beatriz, acho que resume bem o que estou querendo dizer.

      Excluir
    6. A imprensa é considerada o 4º poder, vasta assistir o filme que tem esse nome.
      Com diploma trabalhar na área já é difícil, sem então nem se fala, aliás, a exisgência da graduação é justamente para poder ter um responsável pelo texto.

      Excluir
    7. Fulana das 12:54,
      Em momento nenhum falei que diploma de jornalismo tem ou não que ser obrigatório. Não entrei no mérito da questão. Você é que não leu corretamente o meu comentário. Apenas comentei o quanto o seu comentário soou arrogante.
      Questionei o posicionamento preconceituoso do seu post, que mais uma vez você mostrou por aqui: "é questão do que se aprende na faculdade. medicina e engenharia têm conhecimentos específicos que você SÓ aprende na faculdade".
      Jornalismo, direito, medicina, engenharia, letras, todos os cursos têm conhecimentos específicos que você SÓ aprende na faculdade. Se não fosse assim, os cursos nem existiriam, concorda? Por que alguém em sã consciência perderia o seu tempo fazendo um curso que não traz nenhum conhecimento específico? Não tem lógica.
      "vocês se acham gênias, mas faltaram à aula de interpretação de texto, né?" - Coisa de quem não tem argumentos e não sabe discutir civilizadamente é vir com esse papinho de interpretação de texto... Não quer discutir com quem pensa diferente? Saia do debate. Não me venha com essa. Sem comentários.
      Em tempo: não sou jornalista.
      Anônimo das 13:23.

      Excluir
    8. "Se não fosse assim, os cursos nem existiriam, concorda? Por que alguém em sã consciência perderia o seu tempo fazendo um curso que não traz nenhum conhecimento específico? Não tem lógica."

      Não tem lógica mas é isso que acontece. Já ouviu falar que as faculdades ganham dinheiro com os cursos que oferecem? Até hoje não vi nenhuma faculdade pública de moda aqui no Brasil. Posso estar errada, mas não conheço. E sim, essa faculdade te traz vários conhecimentos específicos, mas nenhum que não possa ser aprendido fora da sala de aula. Eu consigo aprender sobre história da moda, marketing e desenho de moda só com livros. Aprender a costurar sozinha. No máximo, posso contratar alguma modelista para me ensinar modelagem. Agora vai você lá aprender a fazer uma cirurgia por conta própria. A reconhecer os sintomas de uma doença. A fazer o diagnóstico certo. A calcular a estrutura de um prédio. A escolher qual o melhor material para se fazer uma ponte. Acho que é um pouco mais complexo e que nem querendo muito você consegue aprender isso sozinha né?

      Excluir
  39. O pior é o pessoal elevando blogueira de quinta à categoria de formadora de opinião.

    ResponderExcluir
  40. Fiz faculdade de Moda, estudei como uma louca, me formei em 2009 com média 10 e tô até hoje procurando emprego! Todo mundo quer alguém com experiência, aí eu tô há 3 anos tentando adquirir experiência e não consigo. Burra eu, né?! Deveria ter largado a faculdade e montado um blog, aí eu estaria ganhando uns 30 mil por mês só pra ficar em casa fazendo jabá, contando mentiras para as leitoras, fotografando looks do dia e viajando de graça pelo mundo.... TEMÇO!

    Mesmo tendo me formado em Moda, eu nunca tive a audácia de escrever sobre o assunto, justamente pq eu não sou jornalista. Aí vem uma fia e escreve um monte de besteiras como essa e minha depressão volta... Kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Burra nada amiga, me formei no mesmo ano que vc, trabalhei que nem uma doida por anos até virar estilista, agora saí do emprego e tá difícil arrumar outra coisa na área viu... já fui numas trocentas entrevistas e mesmo com experiência não acontece nada!!! Também fico revoltada ao ver que tem gente ganhando uma grana só fazendo um blogzinho cheio de informações vazias, mas sei lá acho que é só uma onda passageira... quem manja mesmo é quem vai sobreviver...
      Vc já tentou prourar emprego no Carreira Fashion? É um site pago, mas consegui meu primeiro emprego (sem experiência) por lá!

      Excluir
    2. na verdade, tirando a parte que ela cita os blogs como um bom começo pra quem quer seguir essa profissão, ela não falou besteira não, ela só quis dizer que o curso de moda não é necessário pra quem quer trabalhar com jornalismo de moda, e ainda explicou que seria suficiente fazer faculdade de jornalismo e depois só uma especialização em moda.
      um monte de gente aqui citando os próprios diplomas, mas as aulas de interpretação de texto vocês mataram pelo jeito né?

      Excluir
    3. Gente, começar a carreira EM QUALQUER PROFISSÃO é difícil. Mas não desanimem.

      Excluir
  41. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  42. Se o mundo não esta acabando, ja passou da hora de acabar.
    É algo que eu jamais pensei em ler. Largue seus estudos, não tenha diploma. Abra um blog.
    Só que a fia esqueceu q com certeza, essa modinha de blogs tem data certa pra acabar.
    E ai? O que ela faz depois?
    Vai colocar no curriculum as experiências adquiridas com o bloguinho que mostra looks do dia?
    Pois é.
    Toda forma de aprendizado é válida. Acho sim que dependendo do seu interesse, vc consegue aprender mta coisa atráves desses sites da vida. Mas fazer disso sua única fonte de conhecimento é algo que não entra na minha cabeça.

    ResponderExcluir
  43. "por mais que o português saia meio massacrado as vezes"

    TÁ BOA, FIA? Língua Portuguesa não se aprende na faculdade, não.

    ResponderExcluir
  44. Saco... Porque não li isso antes? Assim não teria gastado meu dinheiro na facul de "modas". Quase morri estudando, pagando faculdade, pra ler uma merda dessa. É revoltante isso =S

    ResponderExcluir
  45. É chocante.... Mas uma coisa infelizmente é verdade: Tem muita gente com diploma na mão q não faz p_rra nenhuma e perde lugar pra quem não tem estudo mas tem iniciativa.

    ResponderExcluir
  46. BRASEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEELLL ELLL ELLL ELLLL

    ResponderExcluir
  47. fui ver esse post pra ler o restante das coisa, e pelo que entendi ela quis dizer que não precisa fazer faculdade DE MODA pra ser jornalista de moda, por isso ela sugere "você pode fazer uma faculdade de jornalismo por exemplo e se especializar em moda".
    analisando por esse lado ela não tá errada não, eu sou formada em moda e posso dizer que pra ser jornalista de moda é bem mais importante a faculdade de jornalismo (que ela sugere) do que a de moda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ops, das coisas*
      e ah, apesar de disso, a parte de "largar a faculdade" pra fazer blog é a maior besteira do mundo...

      Excluir
    2. Até que enfim alguém entendeu o que ela escreveu! Não acho que ela esteja certa, mas todos os que criticaram até então; formados, pós-graduados, doutorados, etc, não conseguiram INTERPRETAR O TEXTO!!!!!!!!!! #chorei

      Excluir
  48. Eba, menos uma concorrente pra mim no mercado de trabalho.

    ResponderExcluir
  49. No momento estou estudando para concurso público, mas estou pensando seriamente em abandonar os estudos e virar blogueira.
    É muito mais negócio, uai.
    Gastar dinheiro com estudos pra q, néam?! Monto um blog, viro especialista em um assunto e ainda ganho dinheiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos montar um blog juntas?! Também estou nesta vida de estudar para concursos...rs

      Excluir
    2. Sou servidora pública e tb tô pensando seriamente em "abrir" um blog...

      Excluir
    3. Tb to nessas!!!

      É bem mais desgastante! Vcs deixam eu entrar pra socyedadji?!

      Excluir
    4. Também tô nessa, topo desaprender um pouco de português pra escrever como se 'foce' morrer pra quem 'vinher' ler.

      Excluir
    5. Eu super apoio vocês!!! Se quiserem, arranjo mais uma galerinha aí pra ajudar no blog. Desistam mesmo amigas! Têm meu apoio!

      #eliminando a concorrência.

      Excluir
    6. Se a vida de vocês for interessante, se você tiverem acesso ao que a grande maioria gostaria de possuir e se vocês possuírem carisma, vão em frente.

      Excluir
  50. Eu não imaginei que a coisa estivesse nesse nível o.O

    Danii

    ResponderExcluir
  51. por isso que tem gente escrevendo tomarE no twitter. Fugiu da escola!

    ResponderExcluir
  52. Achei o blog...nunca tinha visto esse..."Gaveta do armario"...rss

    ResponderExcluir
  53. "o blog te força a ler mais etc..", faz-me rir. Do que a gente vê aqui, vários blogueiros de moda sabem nada sobre moda... Lêem mais outros blogs, na maioria, igualmente desinformados e ai?? Serve para que??
    Só os sérios (que vão acabar não aparecendo aqui) é que realmente devem ler de verdade, pesquisar fontes etc...
    Mas enfim, é a realidade atual... Ridicula, mas ai, para quem quiser escrever blog e se auto-intitular expert em qq assunto

    ResponderExcluir
  54. E como faz pós sem ter graduação, fia?!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pensei o mesmo.
      E isso explica porque tem tanta menina sem noção fazendo blog. Com um conselho "mara" desses, estudar pra quê?

      Excluir
    2. leram errado, leram errado, leram errado.

      Excluir
    3. ooonde tá escrito fazer pós sem graduação? tá faltando aula de interpretação por aqui...

      obs: sim ela falou muita merda, mas não achei nada sobre fazer pós sem graduação.

      Excluir
  55. Meu Deus! Quanta ignorância numa pessoa só! Estudar que é bom ninguém quer né? O importante é ter blog, ser analfa e ganhar jabá.
    Me poupe dessa blogosfera bocó!

    ResponderExcluir
  56. Eu fiz Tradução/Inglês e trabalho na área. Quantas vezes não me perguntaram "pra que fazer a faculdade? faz um cursinho de inglês que é a mesma coisa!". Se eu tivesse feito, não teria conseguido emprego em lugar nenhum, já que todas as agências para as quais trabalhei exigem diploma.
    Essa fia do blog é uma dessas que pensam que gastar com estudo e conhecimento é um gasto desnecessário. Lamento por ela e por quem a segue.

    ResponderExcluir
  57. Mas ela não mentiu não. O STF decidiu não tão recentemente assim que não é necessário graduar-se em jornalismo para ser jornalista.

    ResponderExcluir
  58. "Nofa.."
    Pior que essas aí, são as que ABREM A BOCA LARGA pra falar que tem ensino superior, quando possuem uma dissertação de uma criança de 14 anos com déficit de alfabetização.. A Maráia é a rainha do analfabetismo funcional.. Devia ter vergonha em declarar que possui ensino superior, pq né...

    Nessas horas eu repenso pq fiz 4 anos de faculdade e estou cursando meus 1,5 ano de MBA se no final da vida, ganhar 30mil vai ser o Maximo... E essas analfas ganham até 100 "barão" sem ao menos saber escrever? QUE JOIA!

    ResponderExcluir
  59. largar faculdade pra cuidar de blog é a coisa mais idiota e burra e ...aaaaaaargh, quanta blogueira loser!
    99% dessas blogueiras não sabem nem escrever, nem ponturar uma frase.
    cuidar da cabeça niguém quer, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. opa, me corrigindo.... *pontuar*

      Excluir
  60. Esse povo não lê um livro de história da moda, quem dirá cursar jornalismo... Aliás, não leem nada mesmo, para escrever tão bem...

    ResponderExcluir
  61. Imagino quanto trabalho o blog de moda deve dar pra ter que largar a faculdade... só se for o blog da shame com varios posts e centenas de comentários diários!

    ResponderExcluir
  62. Não fiz Publicidade e Propaganda simplesmente pra ter um diploma, mas principalmente para ter o conhecimento. Não é toa que em Comunicação Social estudamos Filosofia, Antropologia e Sociologia. Se essa fia acha que é possível aprender tudo que um profissional graduado aprende em, no mínimo, 4 anos de curso simplesmente criando um blog, só me resta ter pena dessa coitada e dos que fizerem igual a ela julgando ser a melhor estratégia.

    ResponderExcluir
  63. Mas gente, o que vocês esperam de um blog de uma moça que tem como itens na "wishlist" comprar uma jaqueta pink e ir a um show da Britney Spears??? Essa daí não sabe nada de nada e ainda acha que pode dar conselhos para os outros. Bobo é quem segue as asneiras que ela fala.

    ResponderExcluir
  64. Nunca comento no Shame, mas dessa vez foi mais do que consigo aguentar ficar quieta. Me formarei em jornalismo esse ano, faço Moda ao mesmo tempo e já tenho uma pós encaminhada. Defendo com unhas e dentes que jornalista não se faz só "na sarjeta" - MUITO MENOS em só ter um blog. Especialmente se o exemplo de blog que temos é mentiras, falta de cultura, de informação, de FORMAÇÃO. Nem ao menos para estudar para valer por si própria algumas pessoas se dão ao trabalho.

    Alguém que dá um "conselho" desses precisa seriamente rever o que entende por Jornalismo, por profissão, carreira e, acima de tudo, de ética profissional.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sra. Jornalista (II)


      Oi? Sério mesmo?

      "jornalista não se faz só "na sarjeta"

      Oi? Li, reli e ...

      "o exemplo de blog que temos é mentiras, falta de cultura, de informação, de FORMAÇÃO."

      Concordância perfeita! Plural pra quê?

      "Nem ao menos para estudar para valer por si própria algumas pessoas se dão ao trabalho."

      Definitivamente, não sei o que falar!

      Assinado Blogueira por Formação

      Excluir
    2. 13:36 seu comentário acabou sendo um exemplo do porque pararam de exigir diploma. Espero que você tenha mais talento em moda do que escrevendo.

      Excluir
  65. A menina falou um monte de asneira o post inteiro, não soube se expressar e deu abertura à más interpretações? Sim. Mas acho que a Shame podia esclarecer algumas coisas.

    1- Na pergunta "5# Pra ser jornalista de moda, é necessário fazer o curso?" A blogayra se referia ao CURSO DE MODA quando disse "curso" e não o curso de Jornalismo. Tanto que no final ela diz que seria muito bom fazer um curso de jornalismo mesmo, e se especializar em moda. O que em parte é verdade: para ser jornalista de moda, o ideal é fazer o curso de jornalismo, e não de MODA como eu vejo muitas tapadas por aí fazendo. Ela pecou no "muito bom", afinal é ESSENCIAL, e no começo da resposta, quando disse que o IDEAL é criar um blog de moda. CÊ JOORA?

    Agora a titia que leu o post inteiro deveria esclarecer para suas Shametes, que no contexto, o "CURSO" da pergunta nao era faculdade de jornalismo como todas pensaramm, e sim, de MODA, e realmente nao é preciso fazê-la pra ser jornalista de moda, e sim a faculdade de jornalismo com especialização em moda.
    Dá zero pra menina que falou um monte de asneiras durante todo o post e uns 5 pra Titia, que não explicou direito pra gente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo plenamente, abriu brecha pra má interpretação e falou umas besteiras, mas ao ler o post todo dá pra entender que ela se referiu ao curso de moda - até porque o post é sobre isso.

      Excluir
    2. Na boa, pra escrever ela deveria pelo menos fazer um curso de redação antes, depois quem sabe fazer curso de moda ou de jornalismo, para aprender o que não se faz e as besteiras que não se deve escrever na internet..... menos achar que existe a graduação jornalismo de MODA. Existe jornalismo. Se ela vai falar de moda depois são outros quinhentos, para isso ela precisa de vivência. E para escrever uma boa redação. O jornalismo é fundamental para ensinar como compro um texto, se é editorial, se é texto comercial, se é texto informativo..... isso não vai se aprender na faculdade de moda, mas tb no jornalismo não vai se aprender segmentado a área que ela quer....

      Excluir
    3. Anônimo 14:12, sugiro que vc vá dar uma olhada no post original, porque você entendeu bem errado.
      o próprio comentário que vc respondeu explica: "Na pergunta "5# Pra ser jornalista de moda, é necessário fazer o curso?" A blogayra se referia ao CURSO DE MODA quando disse "curso" e não o curso de Jornalismo. Tanto que no final ela diz que seria muito bom fazer um curso de jornalismo mesmo, e se especializar em moda."

      Excluir
  66. Aqui um comentário no post, respondendo uma leitora que também criticou o fato de ela ter falado "para ser jornalista o melhor mesmo é criar um blog"

    Cynthia Noemi:

    (...) Muita gente começa a faculdade de moda por querer seguir a área de jornalista, mas a faculdade DE MODA em si não é obrigatória pra isso e acho que quem quer seguir essa área precisa fazer jornalismo e depois se especializar em moda e não o contrário. São coisas que digo com referência (do pouco) conhecimento porém de coisas que vi de perto com amigos meus. Enfim, se você der uma lida com mais calma no que falei talvez consiga entender, ou eu me expressei de forma errada. Mas nunca que eu quis dizer que só ter um blog faz da pessoa uma jornalista de moda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é, o tópico isolado no post foi mal interpretado, fui lá no post ler e entendi exatamente isso, ela não falou nada de errado (tirando a parte que ela insinua que blog dá futuro...)

      Excluir
  67. Para quem ainda acha que é necessário ter um diploma para ser jornalista,três nomes de profissionais que não possuem tal diploma.

    Gabriel García Márquez - Jornalista e escritos,recebeu o prêmio Nobel de Literatura em 1982 pelo conjunto de sua obra, autor de "Cem anos de solidão"

    Assis Chateaubriand - Começou a escrever para a Gazeta do Norte aos 15 anos de idade, foi dono de um dos maiores conglomerado de midia da America Latina

    Bóris Casoy - Assim como Chateaubriand começou a trabalhar como jornalista aos 15 anos, após 50 anos de carreira hoje é considerado um dos principais nomes do jornalismo do pais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mas isso são exceções....

      Excluir
    2. Não, isso mostra claramente que para ser um bom jornalista não é preciso carregar um diploma embaixo do braço. É um fato, uma constatação.

      Excluir
    3. mas isso são exceções....[2]
      São pessoas q nasceram com o dom.

      Excluir
    4. Não, para ser jornalista é muito mais importante conhecer o tema ao qual vai se dedicar do que o diploma.

      Excluir
  68. Nao... o pior que vai ter fya que vai gazer exatamente isso! haha

    ResponderExcluir
  69. Não 'guento' gente descerebrada. Daqui a pouco vão até querer carteira assinada como "blogueira" e querer FGTS, 13º, férias. Querem ser alguém na vida? Então enfia a cara nos livros! Papai e mamãe devem ficar orgulhosos ao saberem que elas vão largar faculdade para ter um blog. #not

    ResponderExcluir
  70. Repito as simples, porém sábias palavras de Mario Mendes: "blogueiro é blogueiro, jornalista é jornalista. Eu sou jornalista."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem discorda disso? Ambos possuem um papel importante dentro da comunicação, do contrário você estaria visitando um site e não um blog. Afinal o "Shame on You" é um blog, ou estou errada?

      Excluir
  71. kkkkkkkkkkkkk só falta me falarem que pro cara ser jornalista ele OBRIGATORIAMENTE tem que ter frequentado uma faculdade... choradeira danada

    médicos, engenheiros e outras áreas regulamentadas precisam disso pois se responsabilizam por ações técnicas, que no caso, o jornalista não tem. Ninguém vai ser processar porque "não gostou de uma matéria" e etc. São naturezas profissionais diferentes.

    O mercado do jornalismo é disputado e EXIGE talento, pois convenhamos, o curso não exige nada. Então antes de fazer faculdade ou qualquer curso, pense se você realmente está apto para tal profissão e se realmente gosta, pois passar a vida chorando para que o governo OBRIGUE as pessoas a te reconhecerem por ter um papel é no mínimo ridículo.

    ResponderExcluir
  72. Ai,titia
    O post foi legal e tals, mas o debate nos comentários sobre necessidade de diploma (mimimi), desnecessidade de diploma (mimimi) tão cansando qualquer um...

    Povo chatooo do caraio!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é chato. Porém necessário.

      Excluir
    2. Necessário só pra quem é jornalista e tá se sentindo ofendidíssimo por isso... Na boa, se vc for bom mesmo diploma é só complemento, se não for não há diploma que resolva.

      Excluir
    3. não Lídia, AQUI não é necessário, tem lugar pra isso e não é num blog de gongação.

      Excluir
  73. Isso é desvalorizar a profissão....

    ResponderExcluir
  74. não aguento essa comparação com médicos e engenheiros. como se só esses fossem cursos sérios.
    o tanto de médico e engenheiro que tem diploma por aí, mas nunca frequentou direito aula, ficou a faculdade toda nos intermeds da vida e não sabe nem escrever. gente que não está nem aí pra profissão, faz o curso pra ganhar dinheiro mesmo. ou vocês acham que a maioria dos médicos realmente gosta e quer tratar gente e salvar vidas?

    ResponderExcluir
  75. Nao sou formada em nada,a nao ser: mae,dona de casa,blá,blá,blá...mas acho total falta de desrespeito dessa fulana(o)com os profissionais q passarao anos de suas vidas estudando para tal formacao...sabe lá Deus de onde sai um ser desse "vomitando" todas essas asneiras,devo dizer q logo algum dotó dira q nao mais prescisara ir a faculdade, pois qualquer blog podera "ensinar"como: cunsultar,diagnosticar,etc...lá vai a pessoa descendo ladeira abaixo,quando ela poderia estar alguns degraus acima,usando esse meio para outros fins.Mas,mas,cada um tem em seu cerebro aquilo q lhes convem!Nao,eu nao bato palma p/ essas lokas q se achao as "antenadas" como dizem por aí...li isso mesmo Braseel?!

    ResponderExcluir
  76. Só a confusão da blogueira em se expressar já mostra que criar um blog adianta quase nada. Estudar, aprender a ler e escrever, interpretar e pricipalmente se fazer entender são regras fundamentais q um indivíduo que deseja trabalhar com qualquer tipo de mídia precisa saber. Essa moça não sabe escrever, não se faz entender, seguir a opinião dela é o mesmo q ser ignorante a vida toda!

    ResponderExcluir
  77. Acho bem chato todos esses comentários comparando jornalismo com profissões como medicina e engenharia. Vai fazer uma cirurgia ou diagnosticar uma doença sem ter estudado tanto quanto os médicos estudam. Vai lá contruir um prédio ou fazer um projeto de carro sem ser engenheira. Minha filha, você não consegue nem começar, quanto mais terminar.
    A questão não é só a obrigatoriedade do diploma para exercer certos ofícios, mas o fato de que alguns ofícios são tão singulares que você não consegue nem fingir que sabe fazer. Necessita de muito conhecimento específico. Não estou dizendo que pra ser jornalista de moda o certo é começar um blog, de jeito algum. O que digo é que qualquer pessoa que tenha estudado bem português no ensino médio, que leia muito e se informe sobre moda pode sim fazer o trabalho de uma jornalista de moda. Depende mais do seu conhecimento anterior sobre moda e redação do que de do conhecimento de termos como "pauta", "lide" ou "chamada". Assim como alguém que não estudou moda pode trabalhar tranquilamente com isso se tiver conhecimento prévio. Medicina/engenharia e moda/jornalismo são áreas tão diferentes que enquanto umas são praticamente impossíveis de se aprender fora da faculdade, nas outras se a pessoa se tiver interesse pode aprender com facilidade no dia a dia.

    ResponderExcluir